top of page
  • Foto do escritorTemplo

Desenvolvendo produtos e experiências de valor


produtos e experiências de valor


O fator quarentena tem diminuído algumas das nossas interações diárias, especialmente as físicas e presenciais, mas também vem criando outros tipos de interação que são totalmente dependentes da tecnologia.


Quem está trabalhando ou estudando de casa já deve ter percebido que produtos essenciais para esse novo dia a dia poderiam ser bem melhores — das plataformas de conferência online aos apps de entrega. Neste momento, do ponto de vista de produtos e serviços, é essencial facilitar a navegação e comunicação para que empresas e usuários se sintam mais seguros e confortáveis na sua utilização. Todo mundo sai ganhando quando o produto ou experiência são centrados no usuário.



Para ser insubstituível, seu produto deve ser amado.


Muito antes da Covid-19, produtos e serviços de sucesso já vinham colocando o usuário do centro de sua forma e funcionalidade. O Design Centrado no Usuário ou UX é um processo que se concentra nas necessidades e requisitos dos clientes. Desenvolver softwares somente com base nas ideias da empresa é um tiro no pé: pode gerar frustração para seus usuários, que certamente vão procurar a concorrente.


Ao invés de exigir que o cliente adapte suas atitudes e comportamentos para aprender a utilizar uma ferramenta, o UX cria sistemas que se relacionam com o que o usuário crê, como age e vê o mundo. Criar produtos e sistemas com o usuário no centro significa criar experiências mais eficientes, satisfatórias e amigáveis. É preciso compreender os sentimentos de quem utiliza o produto/serviço, desenvolvendo percepções sobre seus aspectos práticos, como utilidade, facilidade de utilização e eficácia do sistema. E isso pode favorecer as vendas e a retenção desses clientes.


O bom Design Centrado no Usuário deve:


  1. Fornecer produtos facilmente utilizáveis

  2. Considerar que os usuários estão fazendo decisões rápidas

  3. Moldar as atitudes positivas do usuário com o design

  4. Incorporar elementos sociais e interações para influenciar usuários

  5. Persuadir o profundo engajamento com o produto

  6. Fazer uma comunicação significativa


Qual é a importância do design centrado no usuário?


Do ponto de vista do usuário, a usabilidade é importante porque pode fazer a diferença entre utilizar uma ferramenta de forma precisa e completa, aproveitar o processo; ou não conseguir e ficar frustrado.


Do ponto de vista do desenvolvedor, a usabilidade é importante porque pode significar a diferença entre o sucesso ou o fracasso de um sistema.

Já do ponto de vista de negócio, o software com pouca usabilidade pode reduzir a produtividade das equipes de trabalho para um nível de desempenho pior do que se tinha sem o sistema.


Em todos os casos, a falta de usabilidade pode custar tempo, esforço e dinheiro.



コメント


コメント機能がオフになっています。
jornadachatgpt_bg01_edited.jpg
Image by Content Pixie

Assine a newsletter para receber nossa curadoria de conteúdo

News

Seja bem-vindo(a) à nossa newsletter!

bottom of page